Rádio JOVEM PAN

100.9. Jovem Pan São Paulo

Ouvir

Toquinho vê privilégio em ter presenciado morte do amigo Vinicius de Moraes: "poética"

por Jovem Pan, . - Atualizado em

Toquinho no Morning Show - 09/05/2017

Toquinho vê privilégio em ter visto morte de Vinicius de Moraes

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Toquinho vê privilégio em ter visto morte de Vinicius de Moraes

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

Toquinho vê privilégio em ter visto morte de Vinicius de Moraes

Em 9 de julho de 1980 morria o grande Vinicius de Moraes, um dos maiores compositores e poetas da história do Brasil. Após quase 37 anos de sua morte, a obra do carioca ainda é exaltada e levada à nova geração por pessoas que fizeram parte de sua vida. Uma das pessoas que cuidam dessa missão é Toquinho, amigo de longa data de Vinicius e que esteve com ele em seus últimos momentos.

No Morning Show desta terça-feira (9), o músico revelou que não tem nenhuma ferida aberta por conta da morte do amigo, que faleceu aos 66 anos. Toquinho vê um privilégio em ter acompanhado Vinicius em seus últimos momentos e ter o visto morrer na sua frente, na banheira de sua casa no Rio de Janeiro.

“O rompimento da minha carreira com a do Vinicius foi algo gradativo, não foi forçado. Eu já esperava a morte dele. Ele teve uma isquemia um ano antes do falecimento. Eu já convivia com essa morte. Ficamos juntos por 8 horas seguidas no dia em que morreu”, contou.

“Foi um final super junto. A empregada me acordou às 7h, disse que ele estava passando mal na banheira. No momento, achei que fosse uma grande sacanagem ter que ver meu amigo morrer, mas depois entendi que foi um privilégio ver a sua morte. Ele adorava aquela banheira, achava que era um retorno ao início da vida. Eu o preparei para essa passagem e me preparei também a partir dali”, completou.

Toquinho conheceu Vinicius por meio de seu outro amigo, o lendário Chico Buarque de Holanda. Com opiniões políticas distintas, o cantor ressalta o discurso de respeito quanto às diferenças políticas que cada pessoa possui.

“Tem certos amigos que não falo de futebol, sou corintiano e campeão, outro nível.Com o Chico não falo de política. O que mais preservo é a liberdade e que cada uma apoie quem quiser. Isso é um problema de cada um. O Chico tem que ser quem ele quer e que abrace os ideais dele da forma que quiser, com liberdade. Essa é minha posição em relação a ele”, afirmou.

Na próxima sexta-feira (12), Toquinho se junta a Filipe Catto e Daniela Mercury para cantar os grandes sucessos da carreira de Vinicius de Morais, em show que acontecerá no Espaço das Américas, em São Paulo. Os ingressos variam de R$ 140 a R$ 320.

Tags da Pan

Comentários