Rádio JOVEM PAN

100.9. Jovem Pan São Paulo

Ouvir

“Proteína em excesso pode causar câncer intestinal”, aponta nutricionista

por Jovem Pan, . - Atualizado em

O doutor ressaltou a importância do acompanhamento de um nutricionista na hora do regime

O doutor ressaltou a importância do acompanhamento de um nutricionista na hora do regime

Fonte: Johnny Drum/Jovem Pan

A busca pelo corpo perfeito leva muitas pessoas a buscarem dicas de pessoas sem estudo para ganhar músculos. Uma das “teorias populares” mais comuns para ficar musculoso é a chamada proteína. Em entrevista ao Morning Show desta terça-feira (6), o doutor em nutrição Antonio Lancha Júnior afirmou que ingerir proteína em excesso pode levar ao câncer de intestino.

“Historicamente temos actings que incitam pessoas a consumirem proteínas. As consequências são tardias e lentas. Parte da proteína em excesso não é totalmente digerida, o que acaba mudando o que as bactérias consomem, criando um risco”, começa. “O excesso traz esse resíduo não digerido e ao chegar no final do intestino, produz sulfato de hidrogênio e em grandes quantidades, pode evoluir para um câncer intestinal”, explica.

O doutor enfatiza a importância de se procurar um nutricionista para ter uma dieta correta e que aproveitou para mostrar que as refeições devem ser sempre balanceadas e em pequenas quantidades.

“As pessoas se preocupam em ganhar massa muscular achando que só a proteína faz isso. Nossos músculos são 70% feito de água, então carboidratos são importantes para mantê-los. Proteína tem pouca importância”, disse. Ele ainda falou sobre os suplementos nutricionais, como Whey Protein e coisas do tipo

“Os suplementos nutricionais existem para facilitar a vida do indivíduo que precisa disso no meio do dia. Ela não pode substituir a alimentação”, concluiu.

Outro alimento que está sendo consumido à rodo são as claras de ovo. Lancha ressalta a qualidade do alimento, mas aponta que ele não deve ser consumido em excesso.

“É uma grande fonte de proteína, é bem legal. Mas não é porque é legal que é livre. Tem que procurar o nutricionista e fazer um ajuste de quanto ela precisa de clara de ovo”, finaliza.

Tags da Pan

Comentários